Alunos levam professores do IFSC/USP ao YouTube

Divulgação científica

A maneira encontrada por Caio Dallaqua, aluno do Instituto de Física de São Carlos (IFSC/USP), para divulgar conhecimentos científicos, foi a criação do canal "Caio na Aula". Aulas de programação eram seu foco principal, mas o projeto logo foi expandido com a colaboração de Andressa Freires, também aluna do IFSC/USP, elaborando vídeos sobre neurociência.

Youtube-_logoProduzindo conteúdos a princípio somente relacionados à programação e neurociência, o ibope dos vídeos e o retorno dos colegas foram tão grandes que eles decidiram ampliar a temática abordada nos vídeos, mas sempre mantendo o mesmo objetivo: comunicar de maneira fácil e didática conteúdos científicos.

Nessa segunda etapa do projeto, o foco é ampliar o diálogo entre professores do IFSC e alunos de dentro e de fora do Instituto. "Tenho muitos colegas aqui que ainda não sabem muito bem qual direção de estudos irão seguir. Queremos trazer esclarecimentos sobre as possibilidades de estudo em nossos cursos e também estimular que outros estudantes façam cursos aqui no IFSC", conta Andressa.

De acordo com Caio, o foco dos vídeos é no aspecto qualitativo, pois dessa forma é possível conversar sobre esses assuntos com as pessoas ao redor, difundindo ainda mais o conhecimento. "Queremos mostrar às pessoas a 'big picture' de diversas áreas da ciência para que elas tenham uma visão mais ampla", explica Caio.

Para cumprir esta meta, Andressa e Caio têm entrevistado professores do IFSC sobre os mais diversos assuntos de ciência. "Os temas têm que ser relacionados à ciência, e sempre escolhemos assuntos próximos da área de pesquisa do professor. A facilidade de entendimento dos vídeos se deve ao alto nível de conhecimento dos docentes. Por exemplo, entrevistamos o professor Leonardo Paulo Maia que falou sobre física estatística e a conversa se estendeu a termodinâmica, propagação de doenças e até ao mercado financeiro", elucida Caio.

Até o momento, foram disponibilizadas oito entrevistas no "Caio na aula". Os assuntos são contextualizados, explicados e, posteriormente, os professores falam sobre as atuais e futuras aplicações.

Caio_e_Andressa-_DC_2017Em relação à motivação para criar e manter o projeto, é o próprio Caio quem responde à questão. "Há muito conhecimento dentro do IFSC. Porém, ele fica muito concentrado aqui dentro, então pensei em alguma ação que pudesse fazer com que esse conhecimento ultrapassasse nossas fronteiras", afirma. "Através de nossos vídeos, os futuros estudantes podem ver um pouco do que será abordado nos cursos, facilitando assim suas escolhas".

Andressa conta que já recebeu diversos e-mails de pessoas interessadas em saber mais sobre neurociência, bem como sobre os outros assuntos abordados. Devido ao sucesso dos vídeos, Andressa e Caio planejam ampliar ainda mais o canal. "Embora existam diversos vídeos na internet mostrando experimentos de física, notamos que esses vídeos, em geral, não abordam o conceito físico que está por trás dos experimentos. Queremos produzir vídeos que incluam essa abordagem, com animações que permitam que esses conceitos sejam compreendidos mais facilmente", explica Andressa.

Com o intuito de explorar ao máximo os recursos do IFSC, Caio busca o apoio de mais professores no projeto. "Gostaria de deixar aqui o convite a todos os interessados em divulgar ciência, seja por diversão ou conscientização do impacto que isso tem", finaliza.

Os interessados em participar do projeto "Caio na Aula", ou ter mais informações a respeito do assunto, podem enviar e-mail a O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou acessar a página do projeto no Facebook.

Assessoria de Comunicação- IFSC/USP